{ads}

Conheça os bilionários do grupo terrorista Hamas

Leia outros artigos :

Khaled Mashaal


Nas últimas semanas, surgiram revelações perturbadoras sobre os líderes do Hamas, o grupo palestino terrorista amplamente conhecido por seu papel político e militar. Fotografias recentes divulgadas pela mídia internacional mostram membros proeminentes do Hamas desfrutando de luxo em casas sofisticadas e hotéis de alta categoria em várias partes do mundo, levantando questões intrigantes sobre a origem de sua riqueza inesperada.

O Dr. Moshe Elad, respeitado professor do Departamento de Oriente Médio do Colégio Acadêmico da Galiléia Ocidental, especialista com vasta experiência nos territórios em questão, tem se dedicado a investigar esses mistérios financeiros. Segundo suas análises, a maioria dos líderes do Hamas teve suas origens em campos de refugiados, sem qualquer herança financeira. No entanto, eles acumularam riqueza fenomenal ao longo dos anos, levantando questionamentos sobre a fonte de seus recursos.

A trajetória para a riqueza começou quando o Hamas se distanciou de Israel e buscou financiamento alternativo. O dinheiro começou a fluir de várias direções, incluindo legados de falecidos, fundos de caridade, doações religiosas como a zaka, um dos pilares do Islã, e contribuições de diversos países. Os Estados Unidos também desempenharam um papel crucial, com campanhas de arrecadação de fundos entre muçulmanos ricos, lideradas por figuras como o Dr. Musa Abu Marzook, o segundo homem do Hamas na época.

Marzook, por exemplo, iniciou uma campanha de arrecadação de fundos nos EUA nos anos 90, angariando fundos consideráveis entre a comunidade muçulmana. Posteriormente, ele expandiu seus interesses para o setor financeiro, fundando diversas empresas bancárias que o transformaram em um magnata financeiro. Sua fortuna, agora estimada em bilhões de dólares, é um dos exemplos mais notórios dessa ascensão meteórica.

Outro líder do Hamas que prosperou financeiramente é Khaled Mashaal, cujas estimativas de riqueza variam entre bilhões de dólares, investidos em bancos egípcios e do Golfo Pérsico, bem como em projetos imobiliários nos países da região. Além disso, o primeiro-ministro do Hamas, Ismail Haniyeh, também acumulou considerável riqueza, com grande parte de seus bens registrados em nome de parentes próximos.

A forma como esses líderes acumularam tanta riqueza revela um sistema corrupto, onde o controle dos oleodutos financeiros na Faixa de Gaza foi explorado para ganhos pessoais. Eles impuseram taxas sobre mercadorias contrabandeadas através de túneis e tributaram praticamente tudo o que era comercializado na região. Além disso, a apropriação de terras, incluindo áreas valiosas próximas ao mar, foi outra tática utilizada para aumentar suas fortunas.

O sistema de recrutamento fictício de trabalhadores para o Hamas também foi explorado para ganhos pessoais, com líderes recebendo pagamentos no exterior em nome de supostos funcionários. Além disso, desvios de fundos, como o caso do "fundo sírio", onde Mashaal é acusado de apropriar-se de bilhões de dólares, revelam a extensão da corrupção que permeia o Hamas.

Em suma, a ascensão meteórica dos líderes do Hamas de refugiados a bilionários é uma história marcada por táticas corruptas, exploração de recursos e uma notável ausência de escrúpulos éticos. Enquanto o povo da Faixa de Gaza sofre com a pobreza e as dificuldades econômicas, os líderes do Hamas acumularam riqueza em uma escala surpreendente, deixando questões éticas e morais profundamente inquietantes no rastro de sua ascensão financeira.
AR News
Continue a leitura do texto após o anúncio:
Confira>> Últimas Notícias 🌎

Siga-nos


📙 GLOSSÁRIO:

🖥️ FONTES :
Com Agências :

NOTA:
O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.
🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️
Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não faça spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.