-->

{ads}

Terroristas do Hamas estão escondidos em porão de hospital ,porque acreditam que o local não será alvo de Israel

Leia outros artigos :

Shifa : Principal hospital de Gaza tornou-se um abrigo de terroristas



Nos sombrios subterrâneos da Faixa de Gaza, um sinistro segredo parece se esconder sob as ruínas e destroços. Autoridades de inteligência têm fortes suspeitas de que altos funcionários do Hamas estejam se ocultando em um "bunker" meticulosamente construído. Este esconderijo subterrâneo, ao que tudo indica, é localizado nos porões do complexo do Hospital Shifa, na cidade de Gaza.

Principal hospital de Gaza tornou-se um abrigo de terroristas


VÍDEO

A magnitude e a engenhosidade do bunker revelam a complexidade desse jogo de gato e rato que permeia a região há anos. Gaza, terra marcada pela contenda e pelas cicatrizes de conflitos intermináveis, parece ser agora o palco de um drama subterrâneo, onde vidas são colocadas em xeque, e a sobrevivência é uma dança constante com o perigo.

A especulação sobre a presença dos líderes do Hamas nos porões do Hospital Shifa traz à tona questões profundas sobre o nível de sofisticação dos métodos de defesa e ocultamento utilizados na região pelos terroristas
AR News
Continue a leitura do texto após o anúncio:
Confira>> Últimas Notícias 🌎

Outros hospitais ,escolas, templos , universidades e abrigos da ONU também abrigam o Hamas


Caso seja verdadeira essa informação de setores da inteligência, revela uma dinâmica profundamente complexa nos territórios afetados pelo conflito. Se confirmado, isso levanta questões significativas sobre a segurança dos locais que normalmente são considerados refúgios seguros em tempos de guerra.

A presença do Hamas em hospitais, escolas e abrigos da ONU seria profundamente preocupante, não apenas por colocar em risco a segurança dos civis que procuram abrigo nesses locais, mas também por violar princípios humanitários e acordos internacionais sobre a proteção de instalações médicas e educacionais durante conflitos armados.

A utilização de locais civis para fins militares complica ainda mais a já delicada situação humanitária na região. Em tempos de guerra, hospitais, escolas e abrigos da ONU são lugares onde os civis esperam encontrar segurança e cuidados. Se esses locais são infiltrados por grupos armados, a confiança nas instituições que fornecem ajuda humanitária pode ser erodida, dificultando ainda mais o acesso a serviços essenciais para as pessoas que mais precisam.

Além disso, tal situação coloca as organizações humanitárias em uma posição extremamente delicada. A necessidade de fornecer ajuda humanitária imparcial e neutra é fundamental para garantir que as populações vulneráveis recebam o apoio de que precisam. Se esses locais são usados por grupos armados, as organizações humanitárias podem ser colocadas em uma posição de conflito, onde sua missão de ajuda humanitária pode ser comprometida pela presença de atividades militares.
Siga-nos

Ajuda humanitária para fins de terrorismo, diz Forças de Defesa de Israel

Os kits de primeiros socorros da UNICEF foram usados ​​pelos jihadistas do Hamas durante o seu ataque a cidades israelitas no dia 7 de Outubro – onde mais de 1.300 israelitas foram assassinados e outros milhares ficaram feridos.( Tweet da IDF em 15 de outubro de 2023 - Forças de Defesa de Israel)


Kits da UNICEF

 

📙 GLOSSÁRIO:

🖥️ FONTES :
Com Agências :

NOTA:
O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.
🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️
Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não faça spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.