{ads}

Estado terrorista do Irã ameaça com possível “ação preventiva” contra Israel

Leia outros artigos :

O ministro das Relações Exteriores do Irã, Hossein Amir-Abdollahian. (AFP)



A tensão na região atingiu um novo patamar na segunda-feira, quando o Irã lançou um alerta sério sobre uma possível "ação preventiva" contra Israel nas próximas horas, justamente no momento em que Israel se prepara para uma ofensiva terrestre na Faixa de Gaza. Este anúncio levanta a preocupante possibilidade de que o Hezbollah, um poderoso grupo militante xiita do Líbano, possa se envolver no conflito.

O ministro das Relações Exteriores do Irã, Hossein Amir-Abdollahian, fez essa declaração em uma transmissão ao vivo pela TV estatal, referindo-se a uma reunião que teve no sábado com o líder do Hezbollah, Hassan Nasrallah, conforme reportou a AFP. "A possibilidade de ação preventiva por parte do eixo da resistência é esperada nas próximas horas", alertou ele.

As palavras do ministro foram acompanhadas por um aviso do principal diplomata e presidente do Irã, Ebrahim Raisi, que alertou que o tempo para encontrar uma solução política estava se esgotando. Ele também destacou o perigo de a guerra entre Israel e o Hamas se espalhar para outras frentes.

Amir-Abdollahian enfatizou que os líderes da resistência não permitirão que Israel continue suas operações em Gaza sem enfrentar uma resposta firme. Ele expressou preocupação com a segurança dos habitantes locais, ressaltando que a não defesa de Gaza agora poderia resultar em tragédias ainda maiores em solo iraniano.

Enquanto o conflito adentra seu décimo primeiro dia, a situação humanitária em Gaza torna-se cada vez mais desesperadora. Moradores e grupos humanitários estão clamando por água potável, alimentos e combustível para geradores. Infelizmente, os caminhões de ajuda humanitária estão sendo impedidos de entrar, deixando os habitantes locais em uma situação precária.

Os hospitais em Gaza estão à beira do colapso, sem eletricidade e sem combustível para os geradores. Esta crise iminente ameaça a vida de milhares de pacientes. O acesso a água limpa é uma raridade, forçando muitos a beber água contaminada, aumentando o risco de doenças e agravando ainda mais o cenário já terrível.

O olhar do mundo está fixado na passagem de Rafah, a única ligação vital de Gaza com o Egito, depois que Israel bloqueou a entrada de suprimentos. Enquanto os mediadores internacionais lutam por um cessar-fogo, a angústia e o sofrimento dos habitantes de Gaza continuam a crescer, transformando esta guerra em uma das mais mortais da história da região.

Em meio a esses acontecimentos, os temores de que o conflito entre Israel e o Hamas se alastre para outros países crescem. O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou sua viagem a Israel na quarta-feira, o que destaca ainda mais a urgência e a gravidade da situação na região. 
AR News
Continue a leitura do texto após o anúncio:
Confira>> Últimas Notícias 🌎

Siga-nos


📙 GLOSSÁRIO:

🖥️ FONTES :
Com Agências :

NOTA:
O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.
🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️
Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não faça spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.