{ads}

Senado deveria exigir do STF extinção do processo de legalização da maconha,diz Eduardo Girão

Leia outros artigos :

Supremo suspende julgamento polêmico enquanto Senado exige fim do processo

A maioria da Nação Brasileira se opõe à liberação da Maconha e permanece surpresa com a persistência do STF nessa pauta, que efetivamente legalizaria uma droga e agravaria o Tráfico.
Senador Eduardo Girão

 


Era um daqueles momentos em que a nação segurava a respiração coletivamente, observando o desenrolar de um drama político que poderia moldar o futuro do país. No centro das atenções, o Supremo Tribunal Federal (STF) suspendia o julgamento polêmico sobre a descriminalização do porte para consumo de drogas. Uma ação ousada, que deixava um rastro de questionamentos e incertezas pelo ar.

Os murmúrios nas praças e nas esquinas se multiplicavam, como as páginas de um livro sendo viradas rapidamente. Mas, entre as conversas ansiosas e as manchetes estampadas em letras garrafais, uma voz ganhava força. Aquela que, em meio ao turbilhão de opiniões divergentes, clamava pelo bom senso e pelo respeito às decisões já tomadas pelos representantes do povo.

Na frente dessa batalha estava o Senado, e a equipe jurídica da Casa para lançar um desafio ao STF. A questão central era a usurpação de competência, a interferência do judiciário em um território que deveria ser estritamente legislativo. O senador Eduardo Girão parecia determinado a defender a integridade das esferas de poder, reacendendo o debate sobre os limites das instituições.

Mas por trás dessa luta institucional, havia uma sombra que pairava sobre a nação. Uma preocupação que ganhava vida nas palavras de muitos, ecoando em cada esquina e preenchendo os corações com inquietação. A legalização da maconha, um tema sensível e complexo, estava no centro desse imbróglio.

A maioria da população estava unida em sua oposição a essa ideia. Afinal, as vozes se erguiam em coro para destacar os malefícios dessa decisão. O tráfico, já uma presença ameaçadora, seria impulsionado a novos patamares com a legalização da substância. O submundo das drogas, que todos ansiavam enfraquecer, encontraria um novo fôlego para prosperar.

Nesse capítulo, as vozes da sociedade pareciam se fundir em um grito de preocupação. A liberação da maconha, um passo que muitos consideravam um salto no escuro, seria um catalisador para a disseminação de um mal já presente. A advertência era clara como o dia, e o clamor por uma ação responsável e consciente ecoava como um chamado urgente.

Em meio a essa trama de suspensão de julgamento e argumentações acaloradas, emergia uma pergunta inquietante. Seria possível que esse adiamento não passasse de um estratagema, um meio de pressionar os legisladores a tomar uma decisão que a nação rejeitava? Era um jogo arriscado, e todos estavam cientes das cartas em jogo.

No entanto, entre as sombras de incerteza e as preocupações sobre os rumos do país, havia uma luz de esperança. Uma esperança de que, em meio a debates apaixonados e lutas por poder, as vozes sensatas pudessem prevalecer. Uma esperança de que a nação pudesse se unir para tomar decisões que protegessem seu tecido social e respeitassem seus valores fundamentais.

E assim, enquanto o debate continuava a se desenrolar, a nação aguardava com expectativa e ansiedade as cenas que estavam por vir. Uma história de desafios, dilemas e escolhas cruciais, onde o destino da legalização da maconha estava entrelaçado com a integridade das instituições e os anseios de uma sociedade preocupada com seu futuro.

Maceió,03 de agosto de 2023

Mário Augusto



AR News


Tweet do Senador Eduardo Girão,Ipsis Litteris

ESPERANÇA: SUPREMO SUSPENDE JULGAMENTO POLÊMICO…MAS SENADO DEVERIA MSM ERA EXIGIR A EXTINÇÃO DO PROCESSO. Após mtas manifestações públicas de Senadores , o pres do @senadofederal decidiu  acionar a advocacia da Casa p/questionar a usurpação de competência do 5TF em relação ao Congresso s/julgamento da ação q trata da descriminalização do porte p/consumo de DR0G4S.A nação brasileira - majoritariamente contra a liberação- ainda está perplexa c/a audácia do 5TF em insistir nesta pauta,q na prática legaliza a M4C0NH4 e potencializa o tráfico,e q já foi votada e aprovada 2 X p/parlamentares e sancionada por 2 pres da República diferentes! Agora,precisamos ficar atentos e verificar se tal adiamento pode descambar p/uma chantagem aos congressistas no sentido de q se sintamos pressionados  a deliberar s/algo q já fizemos e demonstramos ñ querer para o País.Basta de ativismo judicial no Brasil. Paz & Bem

Continue a leitura do texto após o anúncio:
Confira Últimas Notícias 🌎


Vídeo do Senador Eduardo Girão




Siga-nos


📙 GLOSSÁRIO:

🖥️ FONTES :
Com Agências :


NOTA:
O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.
🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️


Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não faça spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.