Maceió-AL

França expressa 'profunda preocupação' com cidadãos com dupla nacionalidade detidos na Nicarágua

Veja também

Logo AR NEWS NOTÍCIAS 24 horas
AR NEWS NOTÍCIAS 24 horas

AR NEWS:  Brasil, Maceió ,14/10  de 2022






🔵Para as últimas manchetes, siga nosso canal do Google Notícias on-line ou pelo aplicativo.  📰 aqui

PARIS (Reuters) - Autoridades francesas expressaram "profunda preocupação" nesta quinta-feira com a detenção na Nicarágua de duas mulheres com cidadania conjunta franco-nicaragüense, por alegações de conspiração e divulgação de notícias falsas.

As duas mulheres, Jeannine Horvilleur e Ana Alvarez Horvilleur, são esposa e filha, respectivamente, do líder da oposição nicaraguense Javier Alvarez, que fugiu do país e agora vive na Costa Rica.

Horvilleur e Alvarez foram detidos e acusados ​​de conspiração em setembro.





Continue a leitura após o anúncio:
Confira  Últimas Notícias 🌎

Um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da França disse que a França solicitou permissão para visitar as mulheres na prisão, mas que as autoridades nicaraguenses ainda não responderam.

"Ainda estamos aguardando a resposta das autoridades nicaraguenses a este pedido de exercer nossa proteção consular e não poupamos esforços para obtê-la", disse o porta-voz.

Javier Alvarez disse à Reuters que sua filha e esposa foram presas como forma de atacá-lo.

"Eles foram detidos por vingança porque não me encontraram", disse ele à Reuters.

As autoridades nicaraguenses não responderam a um pedido de comentário.

Delphine Horvilleur, rabino e primo da família, também disse no Twitter que estava extremamente preocupada com o bem-estar do casal.

Ela pediu ao governo da França "que não nos abandone".

O governo da Nicarágua se recusou a dar informações a autoridades francesas, de acordo com uma autoridade francesa familiarizada com o assunto.

As mulheres estão detidas na prisão de El Chipote, uma prisão notória que o escritório de direitos humanos da ONU diz ter sido usada para tortura.

A Nicarágua expulsou recentemente o embaixador da União Europeia e também cortou relações com o Vaticano, enquanto o presidente Daniel Ortega continua a reprimir a oposição ao seu governo.

📙 GLOSSÁRIO:


🖥️ FONTES :
 (Reportagem de John Irish em Paris e Ismael Lopez; Redação de Valentine Hilaire; Edição de Kirsten Donovan)
Com Agências

O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.
🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️

  Continue a leitura no site após o anúncio:




Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
–>