As pessoas já chegam fragilizadas e precisam de nossa atenção e respeito, diz Rosana Veras, supervisora médica do HGE
Maceió-AL

Siga-nos

As pessoas já chegam fragilizadas e precisam de nossa atenção e respeito, diz Rosana Veras, supervisora médica do HGE

Hospital Geral do Estado reativa grupo de trabalho de humanização
Cristina Maria Limeira de Carvalho
16/03/2022
13:10
Repórter: Neide Brandão
Repórter Fotográfico: Thallysson Alves
Rosana Veras, supervisora médica do HGE
Dra. Rosana Veras, supervisora médica do HGE



Olhar com carinho e atenção para cada paciente, acompanhante e profissional deve ser uma das metas de cada unidade de saúde. Para incentivar ações pautadas em humanização, o Hospital Geral do Estado (HGE) reativou o Grupo de Trabalho em Humanização (GTH). A primeira reunião aconteceu na manhã da terça-feira (15), na sala de reuniões da gerência.  

“As pessoas já chegam fragilizadas e precisam de nossa atenção e respeito”, diz Rosana Veras, supervisora médica do HGE, a maior emergência alagoana.

Uma das responsáveis pela organização e efetivação do GTH, Vera Calado diz que “o grupo encontra-se motivado e muito feliz em poder potencializar as ações de humanização que já ocorrem dentro das diversas áreas do hospital, bem como apoiar outras ideias e projetos que venham a contribuir com a melhoria na qualidade da assistência”.

Na primeira reunião foi escolhida a coordenação que será a assistente social Ana Claudia Barros de Jesus; como vice, Flavia Azevedo Ferreira Souza, administradora, e a secretaria, Vera Cristina Gomes Calado, técnica de RH. Também foram indicadas para representar o HGE na Câmara Técnica de Humanização às servidoras: Ana Claudia Barros de Jesus, titular e Vera Cristina Gomes Calado, suplente.
A primeira reunião do GTH contou com a presença da gestão do hospital que ressaltou a importância da humanização na assistência
A primeira reunião do GTH contou com a presença da gestão do hospital que ressaltou a importância da humanização na assistência


“Eu me sinto honrada por estar à frente de um grupo que lutará cada vez mais pela humanização hospitalar, tão essencial em qualquer organização profissional”, acrescentou Ana Cláudia de Jesus.

Na ocasião, foi ressaltado que o hospital já possui alguns apoiadores de humanização que participaram do curso disponibilizado pela Câmara Técnica de Humanização (CTH) em parceria com a Gerência de Desenvolvimento e Educação em Saúde da Secretaria de Estado da Saúde (GDES/SESAU). 

“Estamos animados com a possibilidade de muitas outras ações efetivadas no hospital que colaborem com o espírito humano entre as pessoas. Usuários, trabalhadores e a gestão como um todo serão beneficiados. O GTH trabalhará em concordância com a Política Nacional de Humanização”, referiu a supervisora médica do HGE, Rosana Veras.

Brasil – Política Nacional de Humanização (PNH) é uma política pública no SUS voltada para ativação de dispositivos que favoreçam ações de humanização no âmbito da atenção e da gestão da saúde no Brasil.

🔵 Acompanhe nosso blog site no Google News  para obter as últimas notícias 📰 aqui

  🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem