{ads}

Braskem : Senado instalou uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o afundamento do solo em Maceió

Leia outros artigos :

Destruição de Maceió


O Senado instalou uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o afundamento do solo em Maceió, causado pelos danos ambientais provocados pela empresa petroquímica Braskem. Essa CPI foi criada devido aos graves danos estruturais em ruas e edifícios em diversos bairros da cidade.

A CPI terá como presidente o senador Omar Aziz (PSD-AM) e como vice-presidente o senador Jorge Kajuru (PSB-GO). Ainda não foi indicado um nome para a relatoria da comissão. A previsão é que os trabalhos da CPI se iniciem somente após fevereiro de 2024 .

O principal objetivo da CPI é investigar o afundamento do solo em cinco bairros da capital alagoana, que ocorre desde 2019. A Braskem, empresa responsável pela atividade de extração de sal sob Maceió, será alvo das investigações . A empresa interrompeu suas atividades em 2019 após o surgimento de rachaduras em ruas e edifícios devido à movimentação de cavidades criadas pela mineração.

A CPI terá um prazo de 120 dias para concluir seus trabalhos. Durante esse período, serão realizadas investigações para apurar as responsabilidades da Braskem e buscar soluções para os danos causados pelo afundamento do solo em Maceió
AR News
Continue a leitura do texto após o anúncio:
Confira>> Últimas Notícias 🌎

Quais são os bairros afetados pelo afundamento do solo em Maceió?

Os bairros afetados pelo afundamento do solo em Maceió são:

Pinheiro: O bairro do Pinheiro é um dos mais afetados pelo afundamento do solo em Maceió. As rachaduras e fissuras em ruas e edifícios são visíveis, e muitos moradores tiveram que deixar suas casas devido aos riscos estruturais .

Mutange: O bairro do Mutange também foi severamente afetado pelo afundamento do solo. As rachaduras e o deslocamento de terrenos causaram danos significativos às residências e à infraestrutura local .

Bebedouro: O bairro de Bebedouro também sofreu com o afundamento do solo em Maceió. As rachaduras e o deslocamento de terrenos afetaram casas e ruas, levando à necessidade de realocação de moradores .

Bom Parto: O bairro do Bom Parto foi outro bairro afetado pelo afundamento do solo em Maceió. Os danos estruturais causados pelas rachaduras e fissuras levaram à necessidade de realocação de moradores .

Flexal de Cima: O bairro do Flexal de Cima também foi afetado pelo afundamento do solo em Maceió. As rachaduras e o deslocamento de terrenos causaram danos às residências e à infraestrutura local .

Esses são apenas alguns dos bairros mais afetados pelo afundamento do solo em Maceió. A situação é grave e tem causado impactos significativos na vida dos moradores dessas regiões.
Siga-nos


📙 GLOSSÁRIO:

🖥️ FONTES :
Com Agências :

NOTA:
O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.
🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️
Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não faça spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.