-->

{ads}

Surto de erisipela sistêmica entre golfinhos em San Diego

Leia outros artigos :

golfinho


No decorrer do verão de 2022, identificamos uma condição fatal de sepse causada pela presença do agente patogênico Erysipelothrix rhusiopathiae em três golfinhos-nariz-de-garrafa encalhados (Tursiops truncatus) na região de San Diego, Califórnia, nos Estados Unidos. A manifestação desta doença, previamente não detectada nesta comunidade regional relativamente restrita de golfinhos, sugere, com alta probabilidade, uma transformação ambiental ou biológica no ecossistema marinho costeiro ou nos próprios organismos marinhos.

A Erysipelothrix rhusiopathiae, uma bactéria identificada como comensal ou patógeno em diversas espécies de vertebrados e invertebrados em todo o mundo, tem como principal reservatório os suínos. Contudo, é relevante notar que aves e roedores também são frequentemente portadores desse patógeno. Casos de infecções por E. rhusiopathiae foram documentados em pelo menos 10 espécies de cetáceos, manifestando-se tanto como casos dermatológicos clássicos quanto como formas septicêmicas agudas.

A compreensão da dinâmica deste patógeno revela-se vital, considerando que mudanças significativas foram observadas em regiões afetadas por alterações ambientais provocadas pela atividade humana. Um mapa ilustrando essas mudanças, denominado Mod.PMB, destaca a extensão dessas transformações e sua correlação com as intervenções antrópicas no ambiente marinho.

Esse evento sublinha a complexidade das relações entre os organismos marinhos e o ambiente que habitam. A detecção de uma condição até então não identificada nesta população específica de golfinhos-nariz-de-garrafa suscita questionamentos sobre as condições ecológicas e biológicas que podem ter desencadeado esse desdobramento.

Este fenômeno enfatiza a necessidade contínua de vigilância ambiental e epidemiológica, particularmente em comunidades de animais marinhos, que servem como indicadores sensíveis de alterações em seus habitats. A compreensão dessas interações intricadas é crucial para a preservação da vida marinha e a sustentação do equilíbrio nos ecossistemas costeiros.

O achado ressalta, ainda, a importância da pesquisa contínua sobre as dinâmicas de patógenos em diversas populações de animais, contribuindo para uma compreensão mais abrangente das ameaças à saúde dessas espécies e, por extensão, ao ecossistema em que estão inseridas.
AR News
Continue a leitura do texto após o anúncio:
Confira>> Últimas Notícias 🌎

Siga-nos


📙 GLOSSÁRIO:

🖥️ FONTES :
Com Agências :

NOTA:
O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.
🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️
Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não faça spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.