{ads}

Três crianças perderam a vida em São João del Rei após manifestarem sinais de amigdalite e episódios de vômito

Leia outros artigos :

Ilustração: médico Thomas L. Stern, examinando a garganta de uma criança
Para avaliar a compatibilidade com outros agentes, como o meningococo, serão necessárias informações adicionais.


Três crianças morreram em São João del Rei, município localizado na Zona da Mata de Minas Gerais, após apresentarem sintomas de amigdalite e vômitos. A Prefeitura está investigando as causas dessas mortes e a internação de outras quatro crianças que também apresentaram os mesmos sintomas .

A suspeita é de que as crianças tenham sido infectadas pela bactéria Streptococcus pyogenes, que pode causar doenças como faringite e escarlatina . As mortes e internações ocorreram em diferentes datas, sendo que duas crianças faleceram em setembro e uma em outubro. A criança que morreu em outubro tinha apenas 3 anos .

A Secretaria Municipal de Saúde de São João del Rei informou que realizou uma reunião com representantes do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde do Estado de Minas Gerais (Cievs) para discutir sobre as mortes das crianças. Na ocasião, foi destacado que não havia critérios cientificamente comprovados para o fechamento das escolas como medida de prevenção .

No entanto, a prefeitura decidiu fechar as escolas públicas municipais para desinfecção, com previsão de retorno das atividades em 5 de novembro. As escolas da rede estadual e particulares continuam funcionando normalmente .

A prefeitura também anunciou a compra de 3.750 kits rápidos para identificação da bactéria no sistema de saúde da cidade. Exames estão sendo realizados pela Fundação Ezequiel Dias (Funed) para confirmar as causas das mortes .

O prefeito de São João del Rei, Nivaldo José de Andrade, divulgou um vídeo nas redes sociais afirmando que o município está trabalhando para entender o que está acontecendo e que está em reuniões com médicos para buscar respostas .

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) emitiu uma nota reiterando que, até o momento, não há critérios que comprovem surto ou risco à saúde da população de São João del Rei. A secretaria está acompanhando os casos e realizou capacitação técnica para os profissionais de saúde da região .

É importante ressaltar que, em casos de sintomas como febre e garganta inflamada, a orientação é procurar imediatamente uma Unidade Básica de Saúde (UBS) para diagnóstico correto e tratamento adequado .
AR News
Continue a leitura do texto após o anúncio:
Confira>> Últimas Notícias 🌎

Para avaliar a compatibilidade com outros agentes, como o meningococo, será imprescindível a obtenção de informações adicionais.

As informações clínicas, laboratoriais e epidemiológicas sobre os casos de crianças mortas em São João del Rei, MG com sintomas de amigdalite e vômitos ainda são escassas. No entanto, é importante investigar se há algum vínculo entre os casos, como frequência em escolas, clubes, festas ou consumo de alimentos em comum em estabelecimentos comerciais .

Aspectos clínicos da faringoamigdalite:


  • Os sintomas apresentados pelas crianças incluem amigdalite, febre, vômito, manchas ou erupções na pele .
  • Não há informações sobre o padrão das lesões, se são petequiais ou escarlatiniformes.
  • Não há informações sobre a ocorrência de acometimento neurológico ou choque.


Tempo de evolução e complicações:


Não há informações sobre o tempo de evolução entre o início dos sintomas e a ocorrência de complicações e óbitos.

Coleta de amostras biológicas e culturas:

  • Não há informações sobre a coleta de amostras biológicas, como sangue, amostras amigdalianas ou licor, dos casos.
  • Não há informações sobre a realização de culturas, incluindo hemoculturas.

Tratamento e antibioticoterapia

Não há informações sobre o tratamento recebido pelos casos, incluindo a antibioticoterapia.

Exame necroscópico e investigação de contatos:

  • Não há informações sobre a realização de exame necroscópico em algum dos óbitos.
  • Não há informações sobre a investigação dos contatos das crianças afetadas.

Diagnóstico e possíveis agentes causadores:

Considerando as apresentações clínicas relacionadas e a faixa etária acometida, a possibilidade de infecção pelo Streptococcus pyogenes é bastante provável e não pode ser descartada .
Informações adicionais serão necessárias para avaliar a compatibilidade com outros agentes, incluindo o meningococo.
Siga-nos


📙 GLOSSÁRIO:

🖥️ FONTES :
Com Agências :

NOTA:
O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.
🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️
Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não faça spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.