-->

{ads}

A perversa estratégia terrorista: como organizações na Faixa de Gaza usam civis, locais religiosos e humanitários como escudos

Leia outros artigos :

Terroristas na Faixa de Gaza têm utilizado edifícios civis, religiosos e humanitários como escudos humanos

A imagem de um armazém de munições pertencente a uma organização terrorista localizado próximo a uma clínica ou escola não é novidade para os israelenses - e para o mundo? Durante anos, as organizações terroristas na Faixa de Gaza têm utilizado edifícios civis, religiosos e humanitários como escudos humanos. Mas quão comum é isso?
No seio do cenário complexo da Faixa de Gaza, uma realidade sinistra se desvenda diante dos olhos, uma trama intricada onde o terrorismo se entrelaça com a vida cotidiana. O mundo está ciente, não é novidade para os israelenses ou para a comunidade internacional, que organizações terroristas como o Hamas transformaram edifícios civis, religiosos e humanitários em escudos humanos, usando a população como cobertura para suas atividades nefastas.
Outro caso é o depósito de munições do Hamas localizado dentro da mesquita “Al-Shahid” – mesquita onde são realizadas aulas de esportes, cursos de primeiros socorros, atividades infantis e atividades de movimento juvenil. O armazém está escondido no coração de um bairro civil e próximo a uma biblioteca pública financiada por um banco alemão


Em um território onde a complexidade é a norma, os comandantes enfrentam desafios inimagináveis. Operar nesse ambiente civil requer uma precisão excepcional, pois as organizações terroristas aproveitam a infraestrutura civil para estabelecer suas próprias regras de guerra. Após a operação "Guardião dos Muros", uma descoberta arrepiante foi feita: um túnel terrorista subterrâneo do Hamas foi atacado, revelando um poço de entrada que levava a uma vasta rede sob a Universidade Islâmica, um centro político, social e cultural com cerca de 20.000 alunos. Este complexo é também a sede principal da UNRA, situada perto dos túneis, ilustrando a insidiosa proximidade entre atividades terroristas e instituições aparentemente inofensivas.
O que se sabe menos é que além dos armazéns e bases de treinamento dessas organizações, também estão sendo construídas redes subterrâneas nos diversos bairros da Faixa. Os túneis passam por baixo de edifícios necessários ao modo de vida civil, sabendo que atacar esses alvos seria provocativo. Se os túneis ruírem, hospitais, mesquitas, universidades ou fábricas também ruirão com ele


Uma descoberta ainda mais alarmante foi feita próximo ao Hospital Shifa, o principal centro médico da Faixa de Gaza. Em um edifício que outrora abrigava residências e atendia a necessidades civis, o Hamas estabeleceu um local para a produção e reparação de armas. Apenas a 45 metros de uma mesquita, a 55 metros de uma clínica da UNRA e a 60 metros do Hospital Shifa, esse depósito de armas representa um flagrante desrespeito à segurança da população e à neutralidade desses locais.
Um exemplo recente é o túnel terrorista subterrâneo do Hamas no bairro de Tapah, na cidade de Gaza. O túnel é utilizado para o armazenamento de explosivos e para a movimentação de operacionais terroristas do Hamas, e está localizado perto da fábrica "Pepsi", que funciona sob franquia, e da escola primária "Draaj" da UNRWA, que em caso de emergência é utilizada como abrigo declarado para 2.500 pessoas


Além dos depósitos de armas, organizações terroristas construíram uma rede subterrânea intricada sob os diversos bairros da Faixa de Gaza. Estes túneis, camuflados sob edifícios vitais para a vida civil, tornam-se quase intocáveis, uma vez que atacá-los colocaria em risco hospitais, mesquitas, universidades e fábricas. Este é um dilema complexo enfrentado pelos comandantes das IDF. Eles operam com o conhecimento de que a inação permitiria que esses locais fossem usados para atividades terroristas, exigindo, portanto, abordagens cirúrgicas e precisas.
Além disso, um armazém do IML e um túnel terrorista foram localizados nas casas de dois agentes da organização: o primeiro é Mahmoud Salah Muhammad Abu Ali - um agente do sistema de produção do Hamas, no telhado de sua casa foi descoberto um armazém do IML . E não é só a casa dele que ele é pobre – a casa é cercada por outras residências e fica ao lado da clínica da UNRA, que fica do outro lado da rua e presta atendimento médico a cerca de 15 mil pessoas. O segundo activista é Omer Oni Ouch de Hisan, activista da organização terrorista Hamas e responsável pelo treino no batalhão Shejaia, em cuja casa existe um poço de túnel a 60 metros de uma escola com cerca de 20 turmas e utilizado como abrigo para refugiados em tempos de emergência e a 30 metros de uma mesquita

Os locais onde as infra-estruturas foram descobertas mostram uma situação difícil e triste, onde a exploração e a desumanidade são uma forma de fazer as coisas. O inimigo esconde debaixo do nariz de pessoas inocentes a infra-estrutura para a próxima guerra, colocando-as assim, contra a sua vontade, na frente da próxima campanha. Os comandantes de todas as unidades ligadas ao sector enfrentam os dilemas que a situação cria. Eles operam com o conhecimento de que, se não agirem, esses locais serão usados ​​para o terrorismo. Foi assim que foram criados os ataques cirúrgicos e precisos com os quais as IDF são identificadas


Em uma triste realidade, a exploração e desumanidade são norma. O inimigo esconde-se sob os narizes de pessoas inocentes, usando-as involuntariamente como escudos humanos em sua busca por violência. Os comandantes, ao enfrentarem esses dilemas, operam sob uma pressão esmagadora, cientes de que sua ação é crucial para proteger a população e conter a ameaça que se esconde nas sombras da Faixa de Gaza. As IDF são identificadas pelo seu compromisso com operações cirúrgicas e precisas, um reflexo da complexidade e dificuldade deste cenário em constante evolução.
AR News
Continue a leitura do texto após o anúncio:
Confira>> Últimas Notícias 🌎

Siga-nos


📙 GLOSSÁRIO:

🖥️ FONTES :
Com Agências :
IDF
NOTA:
O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.
🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️
Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não faça spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.