{ads}

Mupirocina supera antisséptico nasal contra infecções por Staphylococcus

Leia outros artigos :

Colônia de bactérias Staphylococcus aureus que causam infecção de pele, e doenças infecciosas resistentes a antibióticos


Estudo Clínico Comprova Eficácia da Mupirocina Nasal na Prevenção de Infecções em UTI




Um ensaio clínico randomizado, publicado esta semana no JAMA, revelou que a mupirocina nasal é mais eficaz do que o iodóforo nasal na redução de Staphylococcus aureus e Staphylococcus aureus resistente à meticilina (MRSA) em pacientes de unidade de terapia intensiva (UTI). Pesquisadores conduziram o estudo em 137 hospitais dos EUA, randomizando 801.668 pacientes de UTI para receber descolonização universal com mupirocina nasal (uma pomada antibiótica) mais banho com gluconato de clorexidina (CHG) ou iodóforo nasal (um antisséptico) mais banho com CHG.

Anteriormente, um estudo de 2009 a 2011 havia demonstrado que a descolonização universal com mupirocina e CHG reduziu culturas clínicas de MRSA em 37% e infecções da corrente sanguínea em 44% em pacientes de UTI. Entretanto, surgiram preocupações sobre a resistência em Staphylococcus aureus devido ao uso generalizado de mupirocina. O iodóforo foi considerado como alternativa.

Comparando os dois períodos do estudo, o risco de culturas clínicas de S aureus foi significativamente maior em 18,4% para o grupo iodóforo-CHG em comparação com o grupo mupirocina-CHG. As culturas clínicas de MRSA foram 14,1% maiores no grupo iodóforo-CHG em comparação com o grupo mupirocina-CHG. No entanto, para infecções da corrente sanguínea por todas as causas, o iodóforo-CHG não mostrou inferioridade ao mupirocina-CHG.

Susan Huang, pesquisadora principal do estudo, enfatizou: "Este grande estudo confirma que limpar o nariz de bactérias previne infecções e que a escolha do produto é importante. A pomada antibiótica de mupirocina continua sendo o melhor tratamento, e infecções graves na UTI podem ser evitadas simplesmente administrando mupirocina aos pacientes durante os primeiros cinco dias de internação na UTI, juntamente com banho diário de clorexidina". A pesquisa destaca a necessidade de estratégias eficazes de descolonização nas UTIs para proteger os pacientes de infecções graves.
AR News
Continue a leitura do texto após o anúncio:
Confira>> Últimas Notícias 🌎

Siga-nos


📙 GLOSSÁRIO:

🖥️ FONTES :
Com Agências :

NOTA:
O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.
🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️
Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não faça spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.