{ads}

Nova variante do COVID-19 Eris ,está se espalhando pelos EUA, diz CDC

Leia outros artigos :

Uma variante conhecida como Eris está agora responsável pela maior parte das novas infecções por COVID-19 em todo o continente americano.

Variante eris lidera novas infecções por covid-19 nos EUA

De acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA, aproximadamente 17,3% dos casos de COVID-19 nos Estados Unidos foram causados pela variante, que recebeu o nome formal de EG.5, no início de agosto. Esse valor é cerca de 7,5% maior do que no começo de julho.

Outras variantes predominantes incluem XBB.1.16, com 15,6% dos casos, e XBB.2.23, com 11,2% dos casos, de acordo com os dados do CDC. Cerca de 10,3% dos casos de COVID são atribuídos à variante XBB.1.5, enquanto uma variante relacionada a XBB chamada FL.1.5.1 causou 8,6% dos casos.

cdc detecta aumento da variante eris em agosto

Especialistas indicam que o sucesso da EG.5 pode ser devido a uma "mutação ligeiramente benéfica", conforme relatado pela CBS News. Eris faz parte de um grupo de subvariantes intimamente ligadas à Omicron, que têm competido pelo predomínio nos últimos meses. Todas essas variantes descendem da cepa XBB, que é o alvo das vacinas COVID-19 planejadas para o outono.
eg.5 causa aumento de casos de covid-19 nos eua, aponta cdc


Apesar da diminuição do estado de emergência da COVID, a ameaça da doença ainda persiste, como afirmou Dra. Maria Van Kerkhove, líder técnica da Organização Mundial da Saúde para a COVID, em um comunicado no mês passado. Ela ressaltou que manter a vigilância e o sequenciamento das variantes continua sendo extremamente importante.

Devido à redução no rastreamento de variantes do COVID-19 pelo CDC, a detecção da emergência da EG.5 só foi possível recentemente. Isso ocorreu pois apenas os estados da Califórnia, Geórgia e Nova York tiveram um número suficiente de sequências genéticas para atualizar os dados nacionais, conforme explicaram autoridades do CDC. Embora tenham sido carregadas dezenas de milhares de sequências em bancos de dados de vírus no início da pandemia, o número agora é inferior a 2.000, relatou a CBS News.

Kathleen Conley, porta-voz do CDC, explicou que, como o Nowcast é baseado em modelagens, um número substancial de sequências é necessário para uma previsão precisa das proporções atuais. Isso levou a não exibição de estimativas do Nowcast para algumas regiões devido à limitação no número de sequências disponíveis, embora essas regiões ainda contribuam para o cálculo do Nowcast nacional agregado.



AR News


Continue a leitura do texto após o anúncio:
Confira>> Últimas Notícias 🌎


Siga-nos





📙 GLOSSÁRIO:


🖥️ FONTES :
Com Agências :


NOTA:

O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.

🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️




Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não faça spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.