{ads}

MPT: trabalhadores da cana e enfermagem são os que mais se acidentam em AL

Leia outros artigos :

Acidentes de trabalho aumentam em AL; MPT reforça pedido de denúncias

O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Alagoas continua alertando a população sobre a importância de denunciar irregularidades relacionadas à saúde e segurança no trabalho, mesmo após a data alusiva ao Dia Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho celebrada em 27 de julho. O procurador Rodrigo Alencar estima que cerca de 20% dos acidentes de trabalho ocorridos em Alagoas em 2022 foram subnotificados, o que ressalta a necessidade de denúncias para obter dados mais precisos e poder tomar medidas preventivas.

MPT pede ajuda da população para denunciar irregularidades trabalhistas

Alencar afirmou que a sociedade como um todo é responsável por proporcionar um ambiente de trabalho seguro e qualquer cidadão pode ajudar denunciando ao MPT descumprimento de normas ou situações de risco percebidas. Ele parabenizou a Equatorial Energia e veículos de imprensa por divulgarem o tema durante atividade alusiva à data comemorativa.

Denuncie irregularidades trabalhistas e ajude a prevenir acidentes, diz MPT
cana-de-açúcar

Dados do Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho, elaborado pelo MPT e Organização Internacional do Trabalho (OIT), mostram 3.395 acidentes de trabalho notificados em Alagoas durante 2022, aumento de 5% em relação a 2021. Os setores com mais acidentes foram fabricação de açúcar, atendimento hospitalar, administração pública, hipermercados/supermercados e instalações elétricas.

As ocupações com mais acidentes foram trabalhadores da cana-de-açúcar, técnicos de enfermagem, alimentadores de linha de produção, faxineiros e serventes de obras. Nota-se que tanto setores essenciais como a saúde quanto trabalhos braçais e com maior risco apresentam altos índices.

Prevenção começa pela denúncia: MPT quer seu apoio contra acidentes de trabalho

O alerta para denúncias se faz necessário uma vez que os acidentes afetam não só o trabalhador, mas geram custos previdenciários e oneram o sistema de saúde. Um ambiente seguro aumenta a qualidade de vida dos trabalhadores e a produtividade das empresas e setores.

A população pode ajudar denunciando irregularidades de forma anônima por telefone, site, aplicativo ou presencialmente ao MPT em Maceió e Arapiraca. As denúncias permitem ao MPT fiscalizar locais, aplicar medidas corretivas e penalizar empregadores em caso de reincidência ou gravidade.

Além de acidentes, doenças ocupacionais como LER/DORT e problemas psicológicos relacionados ao trabalho também devem ser notificadas. O MPT conta com apoio de auditores fiscais do trabalho e peritos para investigar denúncias recebidas e propor soluções em conjunto com empresas.

Uma cultura prevencionista deve ser estimulada para reduzir riscos desde a concepção dos processos e ambientes de trabalho. Treinamentos, manual de procedimentos, EPIs, ginástica laboral, rodízio de tarefas e pausas são medidas que podem ser implementadas.

Cabe ainda ao MPT orientar trabalhadores quanto a direitos e deveres, divulgar boas práticas e fomentar responsabilidade socioambiental. A conscientização sobre saúde e segurança no trabalho deve começar na escola para atingir futuras gerações de profissionais.

Portanto, a população pode ajudar a promover um ambiente de trabalho mais seguro e saudável ao denunciar irregularidades ao MPT-AL, cobrando seus direitos e cumprindo seus deveres de forma preventiva. A parceria entre sociedade, empresas e órgãos fiscalizadores é essencial para avanços nessa área.



AR News

Com aumento de acidentes, MPT reforça canais para denúncias em AL

Para denunciar acidentes de trabalho, problemas relacionados à Saúde e Segurança e outras irregularidades no ambiente laboral, o trabalhador pode fazer a denúncia ao MPT em Alagoas pelos seguintes canais:

  • Telefone: 3201-5000 (Maceió) ou 3521-9250 (Arapiraca)
  • Site: prt19.mpt.mp.br
  • Aplicativo MPT Pardal (disponível para celular)
  • Pessoalmente na sede da Procuradoria Regional do Trabalho, em Maceió, ou na Procuradoria do Trabalho em Arapiraca
  • As denúncias podem ser feitas de forma anônima.

Algumas informações importantes para incluir na denúncia:


  • Dados da empresa/local de trabalho onde ocorreu a irregularidade
  • Descrição detalhada do problema/acidente
  • Data e horário em que ocorreu
  • Função e dados da(s) possível(eis) vítima(s)
  • Testemunhas
  • Fotos/vídeos comprobatórios (opcional)
Quanto mais detalhes forem fornecidos, maior a chance do MPT conseguir apurar e resolver a situação. A colaboração da população por meio de denúncias é fundamental para promover ambientes de trabalho mais seguros.

Continue a leitura do texto após o anúncio:
Confira>> Últimas Notícias 🌎


Siga-nos





📙 GLOSSÁRIO:


🖥️ FONTES :
Com Agências :


NOTA:

O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.

🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️




Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não faça spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.