Maceió-AL

MSF responde ao surto de ebola em Uganda

Veja também

Ministério da Saúde - Uganda
Ministério da Saúde - Uganda

Logo AR NEWS NOTÍCIAS 24 horas
AR NEWS NOTÍCIAS 24 horas






  • A partir de 25 de setembro de 2022 Novos casos confirmados: 2 
  • Casos cumulativos: 36 (18 casos confirmados e 18 prováveis) 
  • Novas mortes: 2 Mortes 
  • cumulativas: 23 (5 mortes confirmadas e 18 mortes prováveis) 
  • Casos ativos na admissão: 35

🔵Para as últimas manchetes, siga nosso canal do Google Notícias on-line ou pelo aplicativo.  📰 aqui

Após a declaração de 20 de setembro de um surto de Ebola em Uganda, no distrito central de Mubende, o Ministério da Saúde pediu à organização médica humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras/Médecins Sans Frontières (MSF) para apoiar sua esforços na luta contra a propagação da doença.  

Em 21 de setembro, uma equipe de MSF de seis pessoas – incluindo médicos e logísticos – deslocou-se à cidade de Mubende para fazer uma avaliação da situação e das necessidades no hospital regional de referência, onde foi detectado o primeiro caso. O vírus foi confirmado como a cepa mais rara de Ebola no Sudão para a qual não há vacina ou tratamento aprovado, ao contrário da cepa do Zaire que causou os últimos surtos na República Democrática do Congo.  

Desde a realização dessa avaliação, MSF começou a montar um centro de isolamento e tratamento de Ebola no hospital de Mubende para ajudar a melhorar o atendimento aos pacientes. As equipes também estão explorando a possibilidade de montar um segundo centro na cidade de Madudu, que fica a aproximadamente 25 quilômetros ao norte de onde se originou a primeira pessoa que morreu de ebola e onde vários casos suspeitos são relatados.  



Continue a leitura após o anúncio:
Confira  Últimas Notícias 🌎

Atualmente, MSF está montando uma equipe de profissionais de saúde, epidemiologistas e logísticos com experiência em febres hemorrágicas para começar a trabalhar na próxima semana.  
O último surto de ebola no país ocorreu em 2019. MSF interveio na época para apoiar as autoridades de saúde de Uganda no manejo de pessoas que estiveram em contato com esses casos confirmados, no estabelecimento de uma unidade de tratamento de ebola e na melhoria da infecção medidas de prevenção e controle nas unidades de saúde.

📙 GLOSSÁRIO:


🖥️ FONTES :
 
Com Agências


🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️

  Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
–>