Maceió-AL

Vigilância nas comunidades , triagem de suspeitos em aeroportos internacionais e transportes terrestres são cruciais para conter o monkeypox

Veja também

monkeypox
monkeypox
Logo AR NEWS NOTÍCIAS 24 horas
AR NEWS NOTÍCIAS 24 horas

AR NEWS NOTÍCIAS   Brasil, Maceió 29 de julho de 2022




🔵Para as últimas manchetes, siga nosso canal do Google Notícias on-line ou pelo aplicativo.  📰 aqui


Com a disseminação da doença viral em cerca de 80 países até agora, é importante que exista maior vigilância na comunidade, com ambulatórios de saúde capacitados para o diagnóstico precoce e isolamento dos casos

Monkeypox é uma doença rara causada pela infecção com o vírus da família da varíola humana e uma em cada 10 pessoas infectadas pode morrer. 

Mais comum em partes remotas da África central e ocidental, a doença já foi relatada em pelo menos 78 países . 

A Organização Mundial da Saúde declarou no sábado passado o surto como “uma emergência de saúde pública de interesse internacional”. 

Uma emergência internacional de saúde pública é diferente de uma pandemia, como a causada pelo coronavírus. Uma pandemia é um surto global de um vírus que infecta um grande número de pessoas e causa um grande número de mortes, muitas vezes interrompendo a vida cotidiana e causando dificuldades gerais. O órgão de saúde da ONU diz que uma emergência internacional de saúde pública é um “evento extraordinário” que representa um sério risco à saúde pública.

Mais de 18.000 casos em quase 78 países, incluindo o Brasil com 2 mortes , foram relatados até agora.

 Espera-se que o número de casos de varíola dos macacos ultrapasse 27.000 em 88 países até 2 de agosto, de acordo com um relatório da Reuters. 

Cientistas que aconselham a agência de saúde da ONU sobre a varíola dos macacos dizem que a janela para conter a propagação do vírus está diminuindo, com os casos dobrando a cada duas semanas, levantando preocupações de que o surto possa atingir o pico nos próximos meses.

 Monkeypox tem sido um problema de saúde pública globalmente negligenciado em partes da África por décadas; a doença ganhou ampla atenção depois de maio, com países fora da África relatando novos casos. 

Os médicos dizem que os sintomas da varíola dos macacos incluem febre, dor de cabeça, inchaço, dor no corpo, exaustão e erupções cutâneas com coceira no rosto, mãos e pés. 

Como a doença se espalha principalmente por contato próximo de pessoa a pessoa, especialistas em saúde pública recomendam o auto-isolamento e boas práticas de higiene para evitá-lo. Cerca de 10% dos pacientes com varíola dos macacos foram hospitalizados no surto atual . Além da África, a varíola está se espalhando principalmente em homens que fazem sexo com homens, colocando as clínicas de saúde sexual em alerta para novos casos.


Continue a leitura após o anúncio:
🟢Confira  Últimas Notícias 🌎



🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️



🖥️ FONTES : 

Com Agências
📙 GLOSSÁRIO:

Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
–>