Maceió-AL

Com maior capacidade de burlar a proteção das vacinas , BA.4 e BA.5 avançam no Brasil , diz Fiocruz

Veja também

AR NEWS NOTÍCIAS   Brasil, Maceió  10  de julho de 2022
Com maior capacidade de burlar a proteção das vacinas , BA.4 e BA.5 avançam no Brasil
Com maior capacidade de burlar a proteção das vacinas , BA.4 e BA.5 avançam no Brasil 




🔵 Acompanhe nosso blog site no Google News  para obter as últimas notícias 📰 aqui

A Rede Genômica da Fiocruz informou que as linhagens BA.4 e BA.5 da ômicron seguem se disseminando pelo país. Ambas já representam 25% dos casos sequenciados durante a segunda quinzena de junho. Em maio, elas respondiam por cerca de 8% dos casos. Ao mesmo tempo, a subvariante BA.2 vem perdendo poder de contágio. Desse modo, a situação é semelhante ao que ocorre na América do Norte e na Europa.

Nesse cenário, os pesquisadores esperam uma maior incidência de reinfecções. Esse fenômeno vem ocorrendo porque a BA.4 e a BA.5 têm maior capacidade de burlar a proteção das vacinas. Além disso, também são capazes de contornar a imunidade adquirida por infecções anteriores causadas por outras subvariantes.

Continue a leitura após o anúncio:
🟢Confira  Últimas Notícias 🌎

Assim, entre 16 e 30 de junho, a Fiocruz identificou geneticamente 81 casos de reinfecção por covid-19. Destes, 68 estão associados às linhagens da variante ômicron. Entre os casos, já há pessoas que contraíram covid-19 a partir de vírus de duas linhagens diferentes da ômicron.

Os números de reinfecções, no entanto, são provavelmente muito maiores. Isso porque a Fiocruz realizou o sequenciamento de 1.745 genomas nesse período. Nesse sentido, trata-se de um número ínfimo, se comparado com a média diária de mais 57 mil casos registrados oficialmente nesse momento.


🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️


🖥️ FONTES : 

Fiocruz
📙 GLOSSÁRIO:

Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
–>