Maceió-AL

Um retorno assustador ! : casos de chikungunya e covid comprometem atendimento na saúde, diz SINMED - AL

Veja também

AR NEWS NOTÍCIAS 26 de junho de 2022

🔵 Acompanhe nosso blog site no Google News  para obter as últimas notícias 📰 aqui

RETORNO ASSUSTADOR
MACEIÓ- ALAGOAS, 26 DE JUNHO  
chikungunya e covid
 chikungunya e covid - Alagoas


Sindicato dos Médicos de Alagoas  

O aumento do número de casos de chicungunha, bem como Covid, já está comprometendo o atendimento nas unidades de saúde. 

A demanda subiu, tanto nos ambulatórios como na rede hospitalar, inclusive em UTIs, e também tem muitos profissionais adoecendo. O agravante é que predominam prestadores de serviços, e eles sofrem pressão para não se ausentarem das atividades.

 Os que não conseguem trabalhar, ficam sem receber o salário completo (os dias ausentes por motivo de doença são descontados). A ameaça de dispensa é uma prática cruel... outro agravante é a sobrecarga para os colegas, já que não ocorre substituição imediata dos trabalhadores afastados. Enfim, a situação é bastante complicada. É preciso mais comprometimento, eficiência e responsabilidade com a saúde pública.

🟢Confira  Últimas Notícias 🌎

Texto  : SINMED/AL ( Fátima Vasconcellos, jornalista MTB/AL414, ASCOM SINMED.) Editado pelo Site AR NEWS NOTÍCIAS
🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
–>