Maceió-AL

Público estimado de 100.000 mil pessoas em cada evento Junino em Maceió, pode ter produzido por noite 4847 novos casos de Covid-19

Veja também

AR NEWS NOTÍCIAS   Brasil, Maceió 30  de junho de 2022
Ilustração : Disseminação viral da Covid-19 nas festas de São João em Maceió
Ilustração : Disseminação viral da Covid-19 nas festas de São João em Maceió


Esta é uma mera estimativa no campo das probabilidades estatísticas, portanto sujeita a falhas , não devendo por conseguinte ter credencial de realidade absoluta , mas de possibilidade teórica.

Os cálculos foram desenvolvidos com base na disponibilidade dos dados encontrados e levando em conta os casos subestimados por falta de notificações , os quadros brandos que não foram diagnosticados e adicionados ao sistema, o percentual estimado dos diagnósticos diferenciais incorretos , diminuição das medidas de proteção não farmacológicas para a Covid-19, redução da vacinação no país e aparecimento de novas subvariantes BA.4 e Ba.5 etc

🔵 Acompanhe nosso blog site no Google News  para obter as últimas notícias 📰 aqui

Como o COVID-19 se espalhou nas festividades do São João ? 

Maceió tem uma população estimada em 1.031,597 de habitantes de acordo com o IBGE

Foi divulgado que durante as comemorações do São João em Maceió, o público esperado por cada noite seria de aproximadamente 100.000 ( cem mil pessoas ), durante o período de 7 dias de festividades juninas. Em uma semana teria circulado em Maceió um público de 700000 ( setecentas mil pessoas )


Tudo que vai ser exposto a partir de agora, se encontra  no campo das probabilidades ,portanto o leitor deverá observar estes detalhes


Há provavelmente 5000 mil casos ativos de Covid-19 na cidade de Maceió, ou seja pessoas que estão infectadas com o coronavírus, com diversos quadros clínicos, desde assintomáticos até os casos mais complexos.
Nesse aspecto , estimo que há 20.000 casos ocultos , chegando a um total de 25.000 mil casos ativos ( assintomáticos ,brandos, sendo confundidos com outras doenças que fazem diagnóstico diferencial com a Covid-19. Outro fator agravante para essa estimativa , seria a falta de reconhecimento ,por ausência de realização de testagem necessária para  a confirmação ou descarte da doença etc)


A população oculta  infectada por coronavírus SARSCOV-2 em Maceió, tem percentual aproximado de 1.93%
A população atualmente infectada por coronavírus SARSCOV-2 em Maceió , ocupa o percentual aproximado de 2.42%


Em cada noite dos eventos juninos , estavam presentes por volta de 100.000 ( cem mil pessoas) - Dados informados pela mídia local 


Com base no número estimado de infecções e usando os valores fornecidos anteriormente, fizemos as seguintes projeções estatísticas:

O número de participantes infectados com COVID-19 por noite era de 1939 .
🤝 A chance de pelo menos 1(uma) pessoa no evento ter COVID é muito alta (perto de 100% )
🏭 Este evento de 100.000 pessoas poderá produzir pelo menos 4847 novos casos.
🤧 Esses números serão significativamente maiores se os participantes interagirem com frequência ! ( como visualizado na TV , distanciamento social era algo que não existiu)



Como ficar mais seguro no meio da multidão, em festas ,shows ,jogos de futebol etc ?

A resposta será bem simples: Diante a pandemia viral do COVID-19, mesmo os vacinados, não estão 100% seguros !!

Recentemente estava lendo sobre teorias da probabilidade , e encontrei uma que serve para explicar um pouco mais o que foi escrito aqui



Você já ouviu falar do paradoxo do aniversário ? 

Pode parecer surpreendente, mas há quase 100% de chance de que, em um grupo de 50 pessoas, haja uma  que faça aniversário exatamente no mesmo dia que outra do grupo . Com 365 dias em um ano, essa probabilidade parece alucinadamente incrível.

Quando aplicamos esse paradoxo às infecções por coronavírus que causa a COVID-19, podemos perceber que não estamos tão seguros quanto pensamos . 

Sabemos que uma boa parte da população está vacinada , mas o risco pode ainda ser alto! Então como poderíamos atenuar  fazendo algo a respeito ?

A verdade como dita anteriormente, é simples - evitando o máximo possível as multidões, porque essa atitude ainda continua sendo a melhor solução de todas, ao lado da vacinação e uso das medidas não farmacológicas de proteção contra o Covid-19.


Atitudes que devem ainda ser tomadas pela população 

  1. Manter o estado vacinal em dia
  2. Utilizar os mecanismos de proteção não farmacológicas contra o covid
  3. Tratar todas as pessoas ao seu redor como se tivessem a infecção .
  4. A maioria dos casos não é detectada . Aquela pessoa sentada ao seu lado também pode ser portadora, ou ser uma negacionista das vacinas e da COVID-19!
  5. Atenha-se ao pequeno grupo de pessoas com quem você está participando do evento.
  6. Fique de olho em si mesmo e evite contato próximo com outras pessoas.
  7. Evite tocar em elementos do espaço público .
  8. Seu cotovelo é ótimo para abrir portas e manter as mãos limpas. 
  9. Se outras pessoas tiverem acesso aos seus talheres - lembre-se de desinfetá-los primeiro.
  10. Use máscara 😷
  11. Cobrar das autoridades públicas que suas decisões sejam estritamente baseadas na ciência, em vez de alegações políticas e mercadológicas
  12. Siga as orientações de orgaõs respeitados no Brasil, e no mundo como: Butantan ,Fiocruz, Anvisa, USP, UNIFESP, OMS,CDC etc

Pode parecer consueto , mas as máscaras protegem as pessoas. 

Usar uma máscara não é apenas um sinal de cuidado com sua própria saúde ,com a vida, mas também um sinal de cuidado com os outros .

Manter a empatia neste momento é fundamental , além de torcer para que todos façam o mesmo!

Urge que esse descontrole pandêmico agravado pelas Festas de São João, possa ser controlado o mais breve possível , evitando desse modo, mais  adoecimentos e vidas ceifadas nas terras caetés

Por hoje é só!
Maceió , 30 de junho de 2022
Mário Augusto


Continue a leitura após o anúncio:
🟢Confira  Últimas Notícias 🌎

🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️

🖥️ FONTES : 

📙 GLOSSÁRIO:

Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
–>