Maceió-AL

Covid tem alta em 24 Estados e no DF, mesmo com a subnotificação oficial e nos autotestes

AR NEWS NOTÍCIAS 
covid - brasil
covid - brasil


A média do País cresceu 100,3% nas últimas 2 semanas , conforme dados do consórcio de veículos de imprensa. O número que era de 14.644, no dia 22 de maio, passou para 29.342 no domingo, 6, após oito dias de alta. Com isso, voltou aos níveis do final de março deste ano (Estadão)


🔵 Acompanhe nosso blog site no Google News  para obter as últimas notícias 📰 aqui

O Boletim InfoGripe Fiocruz comentado no site, mostrou que a covid-19 responde por 59,6% dos casos de Síndrome Respiratória Aguda (SRAG) 

🟢Confira  Últimas Notícias 🌎

O Brasil  pode  estar enfrentando uma nova onda de casos , por vários fatores :


  1. Alta transmissibilidade da Ômicron e suas subvariantes;
  2.  Parada e desigualdade da vacinação no território brasileiro; 
  3. redução de medidas não farmacológicas de proteção ( flexibilização no uso de máscaras tempestivamente; falta fiscalização etc 
  4. frio - que faz pessoas ficarem mais próximas e em ambientes fechados
Ter como base os óbitos , não seria o ideal : o número de óbitos é um “indicador tardio” Isaac Schrarstzhaupt

O autoteste se tornou uma "gigantesca fonte de subnotificação”

“Ninguém reporta para o sistema de vigilância”, diz. “Não adianta nada ficar fazendo teste e isso não dialogar com o sistema de vigilância. Se o sistema de vigilância não se beneficia das informações geradas pelo teste, é inútil.” Pedro Hallal

🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️

Para refletir:

Quanto maior a capacidade de testar para coronavírus sarscov-2 em uma determinada localidade , maior também será a real circulação viral, evitando com isso uma falsa representação da incidência e prevalência e como consequência final, uma minimização das subnotificações.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem