Ucrânia diz que situação em Mariupol é muito pior do que Bucha
Maceió-AL

Siga-nos

Ucrânia diz que situação em Mariupol é muito pior do que Bucha

'O Ocidente continua a encher a máquina de guerra russa com pagamentos por combustíveis fósseis russos', diz Dmytro Kuleba

'O Ocidente continua a encher a máquina de guerra russa com pagamentos por combustíveis fósseis russos', diz Dmytro Kuleba
'O Ocidente continua a encher a máquina de guerra russa com pagamentos por combustíveis fósseis russos', diz Dmytro Kuleba


VARSÓVIA/LONDRES 

O ministro das Relações Exteriores da Ucrânia disse na segunda-feira que o que aconteceu na cidade de Bucha é apenas a “ponta do iceberg” e a situação em Mariupol é muito pior.

"A Ucrânia venceu a batalha por Kiev, mas a guerra continua", disse Dmytro Kuleba​​​​​​​ em uma entrevista coletiva conjunta em Varsóvia com sua colega britânica Liz Truss.

Observando que seu país está se preparando para uma nova ofensiva em larga escala da Rússia no leste da Ucrânia, Kuleba disse que as forças russas tentarão capturar mais territórios nas regiões de Donetsk e Luhansk e também tentarão assumir o controle da cidade sitiada de Mariupol.

"Os horrores que vimos em Bucha são apenas a ponta do iceberg de todos os crimes que foram cometidos pelo exército russo no território da Ucrânia até agora", disse ele.

Ele continuou dizendo "sem exagero e com grande pesar" que a situação atual em Mariupol é muito pior em comparação com o que aconteceu em Bucha e outras regiões próximas à capital Kiev.

Os "horrores" em Bucha, Mariupol e outras regiões justificam sérias sanções do G7 e da UE, acrescentou Kuleba.

"O Ocidente continua a encher a máquina de guerra russa com pagamentos por combustíveis fósseis russos, com o comércio ainda ocorrendo entre a Rússia e os países ocidentais".

"Nova onda dura de sanções"

Enquanto isso, Truss disse que pressionaria por uma "nova onda dura de sanções" à Rússia.

🔵 Acompanhe nosso blog site no Google News  para obter as últimas notícias 📰 aqui

Pedindo mais suprimentos de armas para a Ucrânia, ela enfatizou que o dinheiro ainda está fluindo do Ocidente para o presidente russo Vladimir "máquina de guerra de Putin" e isso tem que parar.

A Rússia também "não tem lugar no conselho de direitos humanos (da ONU)", observou Truss.

"Continuaremos a apoiar aqueles que sofrem como resultado da invasão ilegal da Ucrânia por Putin, incluindo as vítimas de violência sexual e aqueles que precisam de apoio humanitário", disse o principal diplomata britânico.

Ela continuou dizendo que o Reino Unido vai atrás de navios russos, bancos, ouro e buscando um "calendário claro para limitar nossas importações" de petróleo, gás e carvão russos.

"Ser duro é a única abordagem que funcionará. Putin intensificou esta guerra", disse Truss.

🟢Confira  Últimas Notícias 🌎

A guerra da Rússia contra a Ucrânia, que começou em 24 de fevereiro, foi recebida com indignação internacional, com a União Européia, EUA e Reino Unido, entre outros, implementando duras sanções a Moscou.

Pelo menos 1.430 civis foram mortos na Ucrânia e 2.097 feridos, segundo estimativas da ONU, com o número real temido ser muito maior.

Mais de 4,21 milhões de ucranianos também fugiram para outros países, com milhões a mais de deslocados internos, segundo a agência de refugiados da ONU.

🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem