-->

{ads}

Cegueira clínica é uma complicação rara, mas grave da meningite bacteriana infantil.

Leia outros artigos :

Ilustração : cegueira infantil


Cegueira Clínica em Conjunto com Meningite Bacteriana Infantil: Uma Análise Abrangente


A meningite bacteriana infantil é uma condição médica que, embora rara, pode ter consequências graves para a saúde ocular das crianças afetadas. A perda bilateral da visão é uma complicação pouco conhecida, mas devastadora, dessa doença. Neste artigo, exploraremos em detalhes a frequência dessa complicação, seus fatores de risco e os resultados do acompanhamento em cinco ensaios prospectivos realizados em diferentes partes do mundo, abrangendo um período de 33 anos (1984-2017).

A Avaliação da Cegueira Clínica em Estudos Prospectivos


Nosso estudo abrangeu um total de 1.515 pacientes, sendo 351 da Finlândia, 654 da América Latina e 510 de Angola. Esses pacientes foram submetidos a avaliações rigorosas, incluindo exames oftalmológicos, no momento da alta hospitalar e, sempre que possível, em consultas de acompanhamento. A cegueira clínica foi diagnosticada quando as crianças não respondiam a estímulos visuais, como contato visual, piscar ou movimentação dos olhos, ou quando permaneciam indiferentes à luz brilhante ou ao movimento de objetos grandes diante de seus olhos.

Frequência da Cegueira Clínica


Os resultados de nosso estudo revelaram que a cegueira clínica foi observada em diferentes taxas, dependendo da região geográfica. Na Finlândia, a complicação foi relatada em 0% dos casos, enquanto na América Latina, a taxa foi de 1,2%. No entanto, em Angola, a cegueira foi registrada em impressionantes 10% das crianças afetadas. Vale destacar que, em Angola, das 64 crianças que pareciam cegas no sétimo dia de hospitalização, 16 não sobreviveram.

Associação com Outros Fatores


A cegueira clínica raramente ocorreu isoladamente e, geralmente, estava associada a outros fatores de risco. Observamos que essa complicação estava frequentemente ligada à idade jovem das crianças e ao mau estado geral na chegada ao hospital. Além disso, várias outras sequelas graves foram comuns entre os sobreviventes que desenvolveram cegueira clínica.

Fatores de Risco e Resultados do Acompanhamento


Nossos dados também revelaram que a cegueira estava associada a vários fatores de risco, incluindo atraso na busca por tratamento, idade inferior a 1 ano e consciência prejudicada na admissão. Além disso, a análise multivariada identificou esses fatores como preditores independentes de cegueira.

Em relação aos resultados do acompanhamento, descobrimos que a cegueira clínica no momento da alta não era necessariamente irreversível. Aproximadamente 40% das crianças que desenvolveram cegueira recuperaram a visão nas consultas de acompanhamento, realizadas 1 a 3 meses após a hospitalização.

Etiologia e Importância da Prevenção


A etiologia da perda de visão associada à meningite bacteriana infantil pode envolver vários mecanismos, como anóxia cerebral, inflamação do córtex cerebral, trombose e infartos cerebrais. Além disso, a hidrocefalia, que pode resultar do aumento da pressão intracraniana, também foi associada à cegueira.

É importante ressaltar que, embora o risco de meningite bacteriana infantil tenha sido reduzido com a introdução de vacinas, a cegueira associada a essa doença merece atenção contínua. Recomendamos que crianças com fatores de risco sejam submetidas a exames oftalmológicos 1 a 3 meses após a hospitalização para monitorar sua visão e identificar possíveis complicações.

Conclusão

Em conclusão, a cegueira clínica é uma complicação rara, mas séria, da meningite bacteriana infantil. Nossos estudos prospectivos abrangentes fornecem informações valiosas sobre a frequência dessa complicação, seus fatores de risco e resultados do acompanhamento em diferentes regiões do mundo. Compreender esses aspectos é fundamental para o diagnóstico precoce e a prevenção da perda de visão em crianças com meningite bacteriana.
AR News
Continue a leitura do texto após o anúncio:
Confira>> Últimas Notícias 🌎

Siga-nos


📙 GLOSSÁRIO:

🖥️ FONTES :
Com Agências :
Science Reports AQUI
NOTA:
O AR NEWS publica artigos de várias fontes externas que expressam uma ampla gama de pontos de vista. As posições tomadas nestes artigos não são necessariamente as do AR NEWS NOTÍCIAS.
🔴Reportar uma correção ou erro de digitação e tradução :Contato ✉️
Continue a leitura no site após o anúncio:

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não faça spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.